Vereadores homenageiam defensor público Antonio Avelino e desembargador Almiro Padilha

por lucas93 — publicado 28/11/2017 15h51, última modificação 28/11/2017 15h51
Avelino recebeu o Diploma de Gratidão de Boa Vista e o Título de Cidadão Boavistense, enquanto Padilha também ganhou a Medalha Rio Branco
Vereadores homenageiam defensor público Antonio Avelino e desembargador Almiro Padilha

Vereadores e homenageados (Foto: Danielle Silva/Secom CMBV)

A Câmara Municipal de Boa Vista homenageou nesta terça-feira, 28, o defensor público estadual Antonio Avelino de Almeida Neto e o desembargador do Tribunal de Justiça de Roraima, Almiro Padilha, por terem prestado relevantes serviços à sociedade boavistense.

Na oportunidade, o defensor público recebeu o Diploma de Gratidão de Boa Vista e o Título de Cidadão Boavistense. Padilha também ganhou as duas honrarias, além da Medalha de Honra ao Mérito Rio Branco.

“Nada mais que justo que a gente homenagear as pessoas que fazem a diferença no Estado de Roraima e no Município de Boa Vista”, disse o presidente da Câmara, vereador Mauricélio Fernandes (PMDB), autor do decreto que concedeu a medalha e o título ao desembargador do TJ-RR.

O vereador Rômulo Amorim (PTC) afirmou que homenageá-los faz com que a Câmara venha cada dia mais “construir a história do Município de Boa Vista”. Ele foi o autor dos decretos que concedeu o título e o diploma a Avelino, e o diploma a Padilha.

HOMENAGEADOS

Maçom ativo da Grande Loja Maçônica de Roraima, Antonio Avelino de Almeida Neto nasceu em Olho D’água (PB) e mora em Roraima desde 1993. Ele obteve notoriedade como especialista na área criminal, tanto no juízo singular, como em centenas de júris populares no Estado.

Em Roraima, exerceu diversos cargos na área jurídica, como conciliador criminal do Juizado Especial Criminal de Boa Vista, assistente jurídico da Procuradoria do Estado e advogado particular.

É defensor público estadual desde 2002, e, na função, foi defensor-geral do Estado de 2009 a 2011. Foi presidente da comissão criminal do Norte/Nordeste do Condege (Conselho de Defensores Públicos Gerais do Brasil).

“São um quarto de um século de trabalho, com afinco, primeiro como advogado, depois como procurador e hoje defensor público, em prol da sociedade boavistense e roraimense. Estou muito alegre e lisonjeado com as comendas que hoje recebi”, disse Antonio Avelino.

Por sua vez, Almiro José Mello Padilha nasceu em Júlio de Castilho (RS) e chegou a Roraima em 1990. Desembargador do TJ-RR, o qual já presidiu por duas vezes, o magistrado também já chefiou a Ordem dos Advogados do Brasil em Roraima (OAB-RR) por três mandatos, a Associação dos Magistrados de Roraima (Amarr) e o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RR).

DIPLOMA DE GRATIDÃO

A honraria é destinada a reconhecer personalidades que prestaram benefícios à capital. O requisito para ser homenageado é residir na cidade.

TÍTULO DE CIDADÃO

Diferente do diploma, a honraria é concedida a pessoas que ajudam no desenvolvimento social local, e o homenageado que a recebe, passa a ser conterrâneo da cidade, mesmo que não tenha nascido ou resida no local que lhe agraciou.

MEDALHA RIO BRANCO

A medalha de honra ao mérito é concedida a pessoas ilustres e empresários locais que prestaram relevantes serviços para a comunidade.

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.