Rejeitado parecer da CCJ e Procuradoria da Câmara ao projeto de lei de autoria do vereador Dr. Wesley Thomé.

por milene — publicado 04/03/2020 12h01, última modificação 04/03/2020 12h01
Na manhã desta quarta-feira (4), os vereadores da Câmara Municipal de Boa Vista, votaram com 16 votos à favor da rejeição do parecer da Comissão de Justiça e Procuradoria da casa, que era contra o projeto de lei (548/2019), de autoria do vereador Dr. Wesley Thomé (PCdoB)

Na manhã desta quarta-feira (4), os vereadores da Câmara Municipal de Boa Vista, votaram com 16 votos à favor da rejeição do parecer da Comissão de Justiça e Procuradoria da casa, que era contra o projeto de lei (548/2019), de autoria do vereador Dr. Wesley Thomé (PCdoB), que visa beneficiar com vacinação domiciliar crianças e adolescentes portadores de necessidades especiais, multideficiência com dificuldade de locomoção, doenças incapacitantes e degenerativas que não tem condições de serem atendidas na rede pública no âmbito do município.

O vereador Dr. Wesley Thomé se manifestou contrário ao parecer, por entender que a lei se aprovada, não iria gerar ônus ao Executivo Municipal.

A expectativa é que o PL, entre em primeira, segunda discussão e votação na próxima semana. E a partir do resultado da aprovação do PL, será em seguida encaminhado para sanção do Executivo Municipal.