Em itinerante da Câmara, população do Jardim das Copaíbas pede água, energia e saúde

por José Lucas publicado 06/12/2017 01h56, última modificação 06/12/2017 01h56
Comunidade também solicitou regularização fundiária, pavimentação de ruas e transporte público. Reivindicações serão enviadas aos órgãos competentes
Em itinerante da Câmara, população do Jardim das Copaíbas pede água, energia e saúde

População compareceu na sessão itinerante desta terça (Foto: Alef Barros/Secom CMBV)

A Câmara de Boa Vista realizou nesta terça-feira, 5, na ocupação Jardim das Copaíbas, no Distrito Industrial, a sua última sessão itinerante em 2017. O evento reuniu vereadores e moradores, e ainda contou com a presença do mediador de conflitos dos conselhos municipal e estadual das Cidades, Ricardo Mattos.

O pequeno aluno da escola municipal Jardim das Copaíbas, Daniel Marchioro, abriu a sessão, ao declamar o poema O Lugar Onde Vivo, descrevendo a região onde mora. Em seguida, moradores e agricultores puderam reivindicar água, energia, iluminação, posto de saúde, segurança pública, regularização fundiária, pavimentação de ruas e transporte público.

As reivindicações serão reunidas em um relatório, elaborado pelos 21 vereadores, e que será encaminhado aos órgãos competentes em resolver os problemas mencionados no evento.

Requerente da sessão, a vereadora Doutora Magnólia Rocha (PPS) afirmou que o evento reflete a “nova cara” da Câmara Municipal. “Os vereadores estão vindo à comunidade para ouvir os anseios, as preocupações e entender as dificuldades. Baseado nisto, nós vereadores podemos elaborar Projetos de Lei e fazer indicações à Prefeitura que possam beneficiar a sociedade”, disse.

Presidente da Associação dos Produtores Rurais do Jardim das Copaíbas, o agricultor familiar Elias José Dionísio, que mora há 13 anos na região, afirmou que a sessão itinerante “é uma oportunidade singular, ímpar, porque essa aproximação da Câmara com a gente proporcionará, aos parlamentares, conhecerem melhor os nossos problemas”.

Durante o evento, Ricardo Mattos lembrou que tramita na Câmara Municipal um Projeto de Lei dos vereadores Mauricélio Fernandes (PMDB), Manoel Neves (PRB) e Mirian Reis (PHS), que, se aprovado e sancionado, tornará o Jardim das Copaíbas como Área Especial de Interesse Social (AEIS), e ajudará o desenvolvimento da localidade.

“As coisas estão se encaminhando. Este momento, a sessão itinerante, é importante para a população ver que tem os vereadores, e que junto a eles, podem buscar a solução para esta área”, declarou Mattos.

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.