Comitiva de vereadores visita aterro sanitário de Boa Vista

por José Lucas última modificação 23/06/2017 09h58
Durante a passagem pelo lixão, os vereadores constataram o cenário em que famílias lutam para sobreviver
 Comitiva de vereadores visita aterro sanitário de Boa Vista

(Foto: Luan Soares/Secom CMBV)

A convite do vereador Ítalo Otávio, uma comitiva formada por 12 vereadores visitou, na tarde dessa quarta-feira, 18, o aterro sanitário de Boa Vista, conhecido como lixão, localizado à margem do trecho sul da BR-174. O objetivo da visita era conhecer as condições do local, como o tratamento dado ao lixo doméstico e a situação das famílias de catadores de lixo.

Durante a passagem pelo lixão, os vereadores constataram o cenário em que famílias lutam para sobreviver. A cada caminhão que chega ao local onde é descarregado o lixo, catadores brigam uns com os outros para pegar cada material que é possível se aproveitar, como refrigerantes com prazo de validade vencida e restos de comida. Até urubus brigam por resíduos. 

O vereador Rondinele Tambasa destacou a importância da visita da comitiva, que, segundo ele, foi um pedido feito pelos catadores há, pelo menos, 12 anos. “A gente viu ali a necessidade de fazer algo por aquele povo que realmente precisa. (Eles estão) trabalhando numa condição desumana, e a gente vai buscar coletivamente, juntamente com os colegas vereadores, algo que possa beneficiar aquela classe”, declarou.

O vereador Vavá do Thianguá também fez um balanço da visita. “O intuito dos vereadores nesta visita é, primeiro conhecer o local, saber como funciona, e depois fazer uma reunião entre nós e ver, junto com o Executivo, uma melhor maneira de dar fim ao lixo”, disse.

Além de Ítalo, Rondinele e Vavá, formaram a comitiva, os vereadores Albuquerque, Genilson Costa, Genival da Enfermagem, Idazio da Perfil, Júlio Cezar Medeiros, Manoel Neves, Pastor Jorge, Rômulo Amorim e Wagner Feitosa.

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.