Aprovada audiência pública para discutir o combate às violências contra a mulher

por José Lucas publicado 15/08/2017 18h04, última modificação 15/08/2017 18h04
Evento mostrará as possibilidades de agir, de maneira preventiva, contra agressões e o feminicídio
Aprovada audiência pública para discutir o combate às violências contra a mulher

O plenário da CMBV nesta terça-feira (Foto: Alef Barros/Secom CMBV)

Em turno único, a Câmara de Boa Vista aprovou nesta terça-feira, 15, por 13 votos, o requerimento 67/2017, dos vereadores Genilson Costa (SD) e Professor Linoberg Almeida (Rede), que pede audiência pública para discutir as ações e políticas públicas no enfrentamento e combate às violências contra a mulher, em Boa Vista.

Alusivo aos 11 anos da Lei Maria da Penha, o evento será no dia 31 de agosto, quinta-feira, no plenário da Câmara, onde serão mostradas as possibilidades de agir, de maneira preventiva, contra agressões e o feminicídio.

Para o evento, serão convidados representantes da Ordem dos Advogados do Brasil em Roraima (OAB), do Tribunal de Justiça de Roraima (TJ-RR), do Centro Humanitário de Apoio à Mulher (Chame), e parlamentares estaduais e federais.

“Este não será um evento para falar sobre a violência contra a mulher, mas sim - depois de 11 anos da criação da Lei Maria da Penha - para ver o que ainda precisa ser feito para que homens, mulheres e sociedade em geral possam reverter esse quadro de violência praticado todos os dias, em vários espaços dessa cidade”, explicou Professor Linoberg.

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.